Em Português  In English
«Dog Tag» de um soldado do exército dos Estados Unidos
Página PrincipalIntrodução da Segunda Guerra MundialHolocausto na Segunda Guerra MundialBiografias da Segunda Guerra MundialEventos da Segunda Guerra MundialArmamento da Segunda Guerra MundialMultimédia da Segunda Guerra Mundial

Douglas MacArthur

1880-1964

// Biografia completa do General Douglas MacArthur.

Uma frase histórica: Voltarei!

Mal desembarcou em território australiano proferiu a mais conhecida das suas frases. Da frase completa, para a História, passaria apenas a parte final: Voltarei! (I shall return!). E voltou.

A 6 de Agosto de 1945 uma superfortaleza voadora B-29 lançou sobre Hiroshima a primeira bomba atómica da História, obrigando o Japão a render-se. No dia seguinte, não querendo ficar à margem da vitória e da ocupação do território dos vencidos, a União Soviética declarava guerra ao Japão.

MacArthur desejava que a viagem até ao Japão, para a assinatura formal da rendição nipónica, terminasse no aeroporto de Yokohama. Os japoneses manifestaram o seu desagrado por esta ideia, argumentando que o referido aeroporto fora uma das bases dos kamikaze, muitos dos quais continuavam a residir aí. Mais: muitos desses pilotos-suicida haviam manifestado o seu descontentamento, numa manifestação que se desenrolara no Palácio Imperial de Tóquio, pela rendição japonesa.

A 30 de Agosto, o avião de MacArthur (baptizado com o nome de Bataan) aterrava no aeroporto de Atsugi. Mal pôs um pé em terra, MacArthur não esperou muito para proferir outra das suas palavras, desta vez dirigida ao general Eichelberger: Bob, há uma grande distância entre Melbourne e Tóquio, mas o caminho parece ter chegado ao fim.

 


 

Rendição a bordo do Missouri

O caminho, longo de 15 milhas, que separava Atsugi de Yokohama foi percorrido a pé, ladeado por soldados norte-americanos. A cerimónia oficial da rendição do Japão realizou-se a 2 de Setembro de 1945, tendo por palco a coberta do couraçado Missouri. Sem indicações oficiais sobre o que fazer ou dizer, MacArthur agiu - ele prórpio o afirmou - como procônsul dos Estados Unidos. Terá sido, sem dúvida, o que de melhor poderia ter acontecido. Para si, para o Japão e para os Estados Unidos. A obra feita não deixaria dúvidas quanto ao desempenho do general.

Aos japoneses poupou, na medida do possível, a humilhação que normalmente espera os vencidos. Os vastos conhecimentos de que dispunha sobre a mentalidade oriental, e a paixão que tinha pelo Oriente, foram vitais para o equilíbrio da sua actuação. O próprio imperador japonês, Hirohito, não deixou de avisar os seus concidadãos: Vejam como tratam o general. Não é um inimigo. É um amigo.

A MacArthur, e à política de ocupação que desenvolveu, deve o Japão o regime democrático e a prosperidade actuais. Uma política pautada pela equidade e pela moderação que muitos consideraram falta de firmeza para com os vencidos.

Em Washington, e em Moscovo, exigia-se pulso forte no trato com os vencidos como, lembravam, fora acordado em Potsdam. Mais do que dar ouvidos a americanos e russos, MacArthur preferiu fazer justiça, condenando à morte os oficiais japoneses acusados de crimes de guerra. Entre esses oficiais contavam-se os generais Yamashita e Homma, este último responsável pela sangrenta Marcha da Morte de Bataan.

 

Anterior 2/3 Próxima
 Veja o texto completo do artigo.



 » Classif.: 
 »  2,47 (58 votos)

Comentários
Código da Validação:




Código da ValidaçãoRefrescar Código

» Regras de Utilização
[Fechar]
antonio
01 de July 2013 às 09:44:07
» Responder
» Permalink
Atravéz de meu pai que foi grande admirador de Mac Arthur tornei-me também admirador o General foi um dos ultímos grandes estadista e pensadores militar
Fernando Silveira
06 de August 2016 às 17:47:04
» Responder
» Permalink
Parabéns pela iniciativa, Douglas MacArthur é um nome que não deve ser esquecido, e sim lembrado como o Grande Bastião da luta contra o Imperialismo japonês, que tanto mal fez a Humanidade. Exemplo de Militar!
Anterior 1/1 Próxima
TextoMultimédia da Segunda Guerra MundialLoja
Anterior 1/5 Próxima
Opções
Tamanho da letra » A+ / a- Imprimir » Imprimir
Comentar » Comentar Ver Comentários » Ver Comentários
Newsletter
Loja
  Amazon.com

  ebay.com

Estatísticas

Números do Site:
#Artigos: 187
#Multimédia: 772
#Cronologia: 538
Comentários