Em Português  In English
Cruz de Cavaleiro de Cruz de Ferro com Folhas Douradas de Carvalho, Espadas e Diamantes
Página PrincipalIntrodução da Segunda Guerra MundialHolocausto na Segunda Guerra MundialBiografias da Segunda Guerra MundialEventos da Segunda Guerra MundialArmamento da Segunda Guerra MundialMultimédia da Segunda Guerra Mundial

Tratado de Versalhes

// Informações sobre o Tratado de Versalhes.

O Tratado de Versalhes foi assinado no dia 28 de Junho de 1919 pela Alemanha e pelas potências aliadas na Sala dos Espelhos do Palácio de Versalhes, em França. Este tratado é composto por cerca de 440 artigos, incluindo, igualmente, numerosos anexos.

A elaboração do tratado teve início no princípio de 1919 e depois de muitos meses de duras negociações, foi apresentado à Alemanha para análise no dia 7 de Maio de 1919.

Foram dadas três semanas ao governo alemão para aceitar os termos do tratado. Inicialmente, a resposta correspondeu a uma longa lista de queixas, tendo, a maioria, sido ignoradas. Muitos consideraram que o tratado era extremamente rigoroso e, de certa forma, bastante rígido para com a Alemanha.

Pela severidade dos termos do tratado para com a principal nação derrotada, o Tratado de Versalhes constituiu, na perspectiva da Alemanha, uma penosa humilhação. Desta forma, tanto pelo descontentamento que gerou como pelas dificuldades económicas que impôs aos alemães nos anos seguintes, ajudou a criar condições para a ascensão de Adolf Hitler ao poder, nos anos 30, e, em consequência, para o retorno a um conflito em larga escala, no qual a Alemanha defrontaria novamente nações como a França e a Inglaterra durante a Segunda Grande Guerra.


 
Para assegurar o entendimento político e a paz entre os países, o tratado previa a constituição da Sociedade das Nações, a redução do território alemão, a desmilitarização da Alemanha e o pagamento por parte desta de pesadas indemnizações de guerra.

Sendo assim, o território da Alemanha foi reduzido em 13,5% (cerca de sete milhões de pessoas) e foram-lhe retiradas as colónias ultramarinas. Alsace-Lorrain passou a pertencer à França e o território belga alargou-se para Este, passando a possuir as áreas de Eupen e Malmedy.

Para além dessas modificações no território alemão, a área da Prussia Este passou a pertencer à Lituania, enquanto que Sudetas passou para a Checoslováquia.

Relativamente ao exército alemão, este foi limitado a um máximo de 100.000 soldados, tendo a utilização de artilharia pesada, gás, tanques e aviões sido proibida. Também se entendeu que a marinha da Alemanha só podia possuir navios abaixo das 10.000 toneladas, sendo que os submarinos foram totalmente proibidos.




 » Classif.: 
 »  2,61 (38 votos)

Comentários
Código da Validação:




Código da ValidaçãoRefrescar Código

» Regras de Utilização
[Fechar]
TextoMultimédia da Segunda Guerra MundialLoja
Opções
Tamanho da letra » A+ / a- Imprimir » Imprimir
Comentar » Comentar Ver Comentários » Ver Comentários
Newsletter
Loja
  Amazon.com

  ebay.com

Estatísticas

Números do Site:
#Artigos: 187
#Multimédia: 772
#Cronologia: 538
Comentários