Em Português  In English
Óculos de aviador e livro registo de vôo
Página PrincipalIntrodução da Segunda Guerra MundialHolocausto na Segunda Guerra MundialBiografias da Segunda Guerra MundialEventos da Segunda Guerra MundialArmamento da Segunda Guerra MundialMultimédia da Segunda Guerra Mundial

URSS

// Informações sobre a URSS antes, durante e depois da guerra.

A União Soviética tinha lutado com o Japão na fronteira com a Manchúria. Um período de tréguas inquieto tinha existido desde Setembro de 1939, quando, em 1941, ambas as nações perceberam que a guerra na Europa significaria que teriam que proteger os seus interesses numa determinada região. Nessa altura, tanto a União Soviética como o Japão tinham um significativo número de tropas no Norte da China de modo a estarem preparadas para um ataque mútuo.

Quando os alemães estavam nos subúrbios de Moscovo durante o Inverno de 1941, os espiões de Estaline em Tóquio eram pressionados a relatarem o facto de algum ataque na fronteira entre a Rússia e a Manchúria estar a ser preparado por parte dos japoneses antes que as tropas estacionadas na Sibéria fossem enviadas para Oeste para uma ofensiva às tropas invasoras.

Os soviéticos internaram americanos e japoneses quando aterraram em território Soviético controlado. Quando Estaline declarou a neutralidade, este também se mostrava interessado em incorporar na guerra do Pacífico assim que Hitler fosse vencido. As perdas maciças no oeste impediram-no de o fazer até ao ano de 1945.


 
Dois dias após o lançamento da bomba atómica em Hiroshima, Estaline invade a Manchúria. O exército uma vez poderoso de Kwantung foi posto de lado enquanto as áreas principais perdidas na guerra entre a Rússia e o Japão foram retomadas. As forças soviéticas ocuparam igualmente a ilha de Sakhalin no norte do Japão.

Coreia foi separada em duas quando as forças aliadas e soviéticas concordaram no mês de Setembro de 1945 usar o paralelo 38 como linha de demarcação. Isto conduziria a uma guerra em 1950 entre os governos coreanos, patrocinados por seus oponentes respectivos na Guerra.

A União Soviética sofreu um imenso número de vítimas durante a Segunda Grande Guerra, a qual chamaram a Grande Guerra Patriótica. Apesar do número exacto de vítimas ser desconhecido, estima-se que 20 milhões de soldados e civis morreram em todas as frentes de guerra.




 » Classif.: 
 »  2,92 (36 votos)

Comentários
Código da Validação:




Código da ValidaçãoRefrescar Código

» Regras de Utilização
[Fechar]
TextoMultimédia da Segunda Guerra MundialLoja
Opções
Tamanho da letra » A+ / a- Imprimir » Imprimir
Comentar » Comentar Ver Comentários » Ver Comentários
Newsletter
Loja
  Amazon.com

  ebay.com

Estatísticas

Números do Site:
#Artigos: 187
#Multimédia: 772
#Cronologia: 538
Comentários